A+ A- A
8 de maio de 2010

3 anos do Pacto Pela Vida

Os bons resultados do Pacto Pela Vida devem-se, principalmente, aos investimentos em infraestrutura e pessoal.

Os bons resultados do Pacto Pela Vida devem-se, principalmente, aos investimentos em infraestrutura e pessoal.

Ao completar três anos, no último dia 08 de maio, o Pacto Pela Vida – programa de combate à violência em Pernambuco – demonstra que já consolidado quando traz resultados concretos na redução dos índices de homicídios e de crimes contra o patrimônio. Em primeiro lugar, a queda dos índices mensais de homicídios é decrescente, que até 2006 vinham numa curva que só cresci. A queda foi de 2,6% em 2007, de 2% em 2008 e superou a meta estipulada de 12%, em 2009.

Os bons resultados do Pacto Pela Vida devem-se, principalmente, aos investimentos em infraestrutura e pessoal, ações preventivas e repressivas governamentais combinadas com uma participação efetiva da sociedade na prevenção da criminalidade.

A transparência das ações e resultados e a mobilização da sociedade em prol de uma cultura de paz têm sido fatores fundamentais para o sucesso do programa. É a eficiência da comunicação pública a serviço da melhoria das condições de vida da população, seu papel primordial.

Para mais informações, faça o download da apresentação do balanço dos três anos do Pacto Pela Vida, com as principais ações realizadas durante o período. Clique aqui para ver outros balanços.


Veja abaixo um resumo das principais ações do Pacto Pela Vida nos 3 anos:

- Redução na taxa de homicídios nos últimos 3 anos, com destaque para 2009 quando a meta de 12% foi superada.
– O trabalho integrado das polícias civil e militar permitiu uma redução média de 37,85% dos homicídios nas áreas com o Governo Presente.
– Mais de 7.000 pessoas formadas nas Polícias Militar, Civil, Científica e no Corpo de Bombeiros entre 2007 e 2009.
– Na Polícia Militar foram 4.454 policiais contratados aumentando em 25% o efetivo disponível.
– Na Polícia Civil foram contratados 1.683 policiais, correspondendo a um acréscimo de 39%.
– No Corpo de Bombeiros foram contratados  408 soldados, correspondendo a um acréscimo de 18%.
– Na Polícia Científica foram 267 pessoas contratadas entre datiloscopistas, auxiliares e peritos, correspondendo a um acréscimo de 51% no quadro existente.
– Entre 2007 e 2009 foram adquiridos: mais de 9.000 pistolas .40; 3.900 algemas e mais de 4.800 coletes.
– Locação de 1.524 veículos especializados e recuperação de 3.155 veículos próprios.
– Foram implantadas 200 câmeras de videomonitoramento no centro do Recife e 37 distribuidas em Boa Viagem.
– Foi implantado o Programa Quadrante de Segurança da Polícia Amiga.
– Foi implantada a Delegacia pela Internet, única do país a permitir o registro de ocorrências para pessoas jurídicas.
– O Governo Presente já foi instalado em 14 áreas de grande vulnerabilidade social da RMR, desde o início de sua atuação – novembro de 2008 -, assegurando o atendimento a mais de 35 mil pessoas em suas mais de 200 ações executadas.
– 71 escolas estaduais sofreram reformas em suas estruturas físicas beneficiando quase 80 mil estudantes.
– Em 2009, nos territórios do Governo Presente foram emitidos 8.682 documentos, entre certidões de nascimento, carteiras de identidade, de trabalho, além de 282 habilitações dentro do programa CNH Popular.
– A Secretaria de Esportes atendeu 2.957 crianças e jovens em programas como o Segundo Tempo e Esporte e Lazer na Cidade, que asseguram atividade esportiva, culturais e lazer qualificado.
– Atualmente cerca de 20.000 presos ocupam 18 unidades prisionais e 67 cadeias públicas.
– O Governo do Estado investiu recursos da ordem de R$ 10 milhões, R$ 6 mi destinados às 54 viaturas e R$ 4 mi na aquisição de armas letais e não-letais entregues em kits para cada estabelecimento prisional.
– Contratação  de 252 técnicos aprovados em seleção simplificada para as unidades prisionais.
– Elevação de 1.440 para 2.430 concessões para trabalho interno dos presos, ou seja, 114% de aumento.
– Início de construção do Centro Integrado de Ressocialização, em Itaquitinga, com investimentos da ordem de R$ 287 milhões.
– Em execução, a divisão do Presídio Professor Aníbal Bruno, no Sancho, com obra orçada em R$ 20 milhões. As três unidades autônomas terão capacidade para 1.514 reeducandos.
– na Colônia Penal Feminina de Buíque, ele entregou 8 celas, o que resultou em mais 40 vagas, e no presídio Advogado Brito Alves, em Arcoverde, mais um pavilhão, ampliando sua capacidade em mais 150 vagas.
– Ampliação da cadeia pública de Lajedo, no Agreste do Estado, a qual recebeu mais 45 vagas.

Observe os quadros (clique na imagem para aumentar):

Operações de inteligência - 3 anos do Pacto

Resumo das Operacoes - 3 anos Pacto








Observe os gráficos de balanço de 3 anos dos Crimes contra o Patrimônio (clique na imagem para aumentar):


















Fonte: Infopol SDS






Leia outras notícias vinculadas:

- Balanço do Governo Presente
Perfil do presidiário em Pernambuco







Fonte: Infopol/SDS







Imprimir notícia Imprimir notícia

Deixe um Comentário

O comentário é de total responsabilidade do internauta que o inseriu. O site do PACTO PELA VIDA reserva-se o direito de não publicar acusações insultuosas, mensagens com palavrões, calúnia, injúria, difamação, publicidade e comentários considerados em desacordo com os temas tratados nesta página.


*